O senso comum diz que só homem é que consome pornografia, certo? Pois um estudo inédito realizado em Portugal, na Unidade Laboratorial de Investigação em Sexualidade Humana (Sexlab) da Universidade de Aveiro, diz exatamente o contrário. A conclusão do levantamento é que a pornografia surte mais efeito sexual nas mulheres do que nos homens. Os resultados serão apresentados esta semana no Congresso Europeu de Sexologia, especialmente porque são diferentes dos resultados obtidos em outros países.

Realizada com 60 voluntários (30 homens e 30 mulheres, todos casados ou em relacionamento estável), a pesquisa concluiu que o pensamento é determinantes para o prazer sexual. As mulheres, durante a observação de filmes pornográficos, ficaram mais excitadas e têm a possibilidade de terem mais prazer do que os homens.

Foram observados no estudo as variáveis fisiológicas, ou seja, a ereção masculina e a vasocongestão vaginal feminina, indicativos de excitação, porém a conclusão dos cientistas do Sexlab é de que o prazer sexual é mais determinado pelos pensamentos. O coordenador do levantamento, Pedro Nobre, confirmou que a resposta física não foi muito diferente entre os gêneros, porém a resposta psicológica foi muito mais acentuada entre as mulheres.

Com informações do Expresso.

DONNA ZH ONLINE


Axact

Axact

Vestibulum bibendum felis sit amet dolor auctor molestie. In dignissim eget nibh id dapibus. Fusce et suscipit orci. Aliquam sit amet urna lorem. Duis eu imperdiet nunc, non imperdiet libero.

Post A Comment:

0 comments: