slider

Recent

Tecnologia do Blogger.
Navigation

Lia e Serginho brigam e rompem a aliança

Mais uma briga básica para dar uma mexida na casa. E uma chance para adivinhar quem estava no meio… Lia!

Serginho questionou a mudança de humor da amiga e ela cobrou atenção do moreno. Como o brother não pediu desculpas, eles bateram boca.

Lia: Não acredito. Eu não tenho nada. Agora você vem me perguntar o que eu tenho? Você foi lá segurar a minha mão? Nem um minutinho veio falar comigo, fazer um afago. Nada.

Serginho: Eu não fiquei com você?

Lia: Hoje, não. Você é um mal agradecido.

Serginho: Bom saber o que você pensa de mim.

Lia: Eu me preocupo com você. Ou melhor, me preocupava.

Serginho: Preocupava?

Lia: Se você não foi capaz de abrir a boca hoje pra dizer alguma coisa boa pra mim, então que não abrisse. Não você. De você eu não esperava. Esperava que você fosse meu amigo.

Serginho: Então só porque não fiquei te rodeando eu não sou teu amigo?

Lia: Há dias você não me abraça, não fala comigo.

Serginho: Você que não faz isso. Você muda de acordo com o jogo.

Lia: Você se preocupou com você e não ligou pra mim. Quantos erros eu cometi aqui, pena que eu não posso entrar por aquela porta de novo. É impressionante como eu me entrego e me ferro. É óbvio que eu esperava que você viesse me confortar.

Serginho: Só porque eu deixei você quieta?

Lia: Se for pra ficar me decepcionando assim, prefiro ir embora. Cara, não acredito nisso. Nunca deixei de te dar atenção, de te dar carinho. Nunca.

Serginho: Só porque hoje eu não falei com você, você acha que a nossa amizade é fraca.

Lia: Sim, hoje sim. Eu estou no paredão. Eu sei o que eu preciso e se você fosse meu amigo também saberia. Mas é bom saber que as pessoas falam de mim pra você, porque ninguém fala de você pra mim. Eu não deixo.

Serginho: Eu posso ter 20 anos, mas eu sei das coisas.

Lia: Algum dia eu te faltei aqui?

Serginho: Não. Mas mudou.

Lia: Mas isso é um jogo, eu estou estressada, preocupada. Você só se preocupa com você mesmo, com sua roupa, seu cabelo, o jeito que você vai aparecer.

Serginho: Eu não retiro o que eu disse, você é a dona da razão. Nunca te vi pedir desculpas aqui dentro.

Lia: Como não? Amizade pra mim não é passar a mão na cabeça quando acho que a pessoa está errada.

Serginho: A gente prometeu no primeiro dia ficar junto até o final, você lembra?

Lia: Lembro, e mesmo comigo no paredão você veio brigar. Você podia ter me poupado, sério. Para, para, para, não adianta eu dizer o que eu penso. Isso aqui não é um jogo da verdade, é um jogo de aparências.

Daí, como ele não deu muita trela, Lia ficou sozinha no jardim chorando e se fazendo de coitadinha - e eu não aguento quem se faz de vítima. Até que o Cadu foi passar a mão na cabeça dela.

Mas bora fazer o balanço?

Lia já brigou/discutiu/criticou:
- Tess
- Michel
- Serginho
- Elenita
- Dourado
- Anamara
- Alex

do blog Espiadinha, junto ao ClicRBS.
Compartilhe
Banner

Ítalo Dorneles

Mudei o meu perfil do blogger. Agora estou utilizando este aqui: https://draft.blogger.com/profile/12182443674733728583

Poste um comentário:

0 comments: