slider

Recent

Tecnologia do Blogger.
Navigation

Chuva, granizo e vento de 113km/h castigam cidades gaúchas

Pelo menos nove municípios gaúchos registraram chuva de granizo entre a noite desta segunda-feira e a manhã de hoje. A Defesa Civil confirma pedras de gelo em Bagé, São Sepé, Caçapava do Sul, Lavras do Sul, Rosário do Sul, Mata e Santiago. Ainda segundo o órgão, Espumoso alertou nesta manhã que cerca de 150 casas estão com problemas em telhados devido ao granizo.

De acordo com o Inmet, a chuva foi mais forte em São Luis Gonzaga, com 53 milímetros. Os maiores transtornos foram em Frederico Westphalen, no norte gaúcho. Houve queda de árvores e postes, além de 10 casas destelhadas pelo vento.

Soledade teve vento com rajadas de 113km/h no começo da madrugada. Em Bento Gonçalves, Canguçu, Cruz Alta, Frederico Westphalen, Lagoa Vermelha, Passo Fundo e São Gabriel o vento chegou a quase 80km/h.

Em Bagé, mais de 100 casas ficaram alagadas. Jaguarão e Uruguaiana tiveram registro de casas destelhadas por granizo, assim como outros municípios como Caxias do Sul, Erechim, Taquara e Herval.

Em Porto Alegre, a defesa civil municipal registrou cerca de 30 postes e árvores caídas. Neste início de manhã, várias ruas ainda estão parcial ou totalmente bloqueadas. Também há várias sinaleiras com problemas.

As fortes rajadas de vento prejudicaram as chegadas e saídas do Aeroporto Internacional Salgado Filho. No total, foram 21 voos cancelados e 20 com atraso de pelo menos 45 minutos, entre a meia-noite de ontem e as 20h22min desta segunda-feira.

Falta de luz

Mais de 80 mil casas ainda estão sem luz devido aos temporais no Rio Grande do Sul. Durante toda a segunda-feira os municípios gaúchos sofreram com o poder da chuva. Cerca de 190 mil clientes ficaram sem luz em todo o Rio Grande do Sul. Os principais problemas se concentram em Porto Alegre e na Região Metropolitana. Hoje pela manhã, na área de concessão da CEEE, 20 mil clientes permaneciam sem luz. Outros sete mil pontos não tem luz na região de Encruzilhada do Sul.

A AES Sul tenta normalizar o fornecimento de energia de 36 mil clientes. Os problemas estão principalmente em Canoas, Sapucaia do Sul, Novo Hamburgo São Leopoldo. A RGE tem 20 mil clientes sem luz. Não há previsão para resolver todos os problemas.

Informações do ClicRBS.

Compartilhe
Banner

Ítalo Dorneles

Mudei o meu perfil do blogger. Agora estou utilizando este aqui: https://draft.blogger.com/profile/12182443674733728583

Poste um comentário:

0 comments: