slider

Recent

Tecnologia do Blogger.
Navigation

Fifa transforma coadjuvante do Brasil em estrela do Mundial

O meia Douglas Costa quase ficou fora da seleção brasileira que disputa o Mundial sub-20 no Egito. Chamado às pressas para substituir Sandro (liberado a pedidos do Internacional), o meio-campista do Grêmio é reserva na equipe de Rogério Lourenço. Mas se depender da exaltação criada em torno do jogador, ele tem tudo para ser o grande nome do evento.

Apontado pela Fifa como principal atleta do Brasil, Douglas Costa é o nome do time verde-amarelo mais procurado pela imprensa internacional. O atleta até aparece em uma enquete realizada pela própria entidade sobre quem será o destaque do Mundial, ao lado do espanhol Merida (Arsenal), do nigeriano Ibrahim (Sporting) e do uzbeque Karimov (Pakhtakor).

"Desde quando surgi no Grêmio comecei a lidar com esse tipo de elogio. Com o tempo, aprendi a separar as coisas e isso não me afeta no que tenho que fazer no momento, que é brigar por uma vaga na seleção", comentou o jogador em entrevista ao UOL Esporte.

Apesar do assédio da imprensa internacional e do status obtido antes do torneio, o meia ainda luta para sair do banco de reservas. Na estreia do Brasil diante da Costa Rica no último domingo, ele permaneceu os 90 minutos do lado de fora. No segundo tempo, poderia ter entrado na vaga de Paulo Henrique Ganso, mas Rogério Lourenço optou por Boquita no seu lugar.

Após despontar no Grêmio em 2008, Douglas Costa teve participação de destaque na conquista do Sul-Americano sub-20 deste ano. Depois, teve seu nome especulado em uma possível transferência milionária para o Manchester United há alguns meses. Desde então, ganhou maior visibilidade até chegar ao Mundial como referência da seleção brasileira, mesmo sem estar entre os titulares.

"Ouvimos falar muito bem dele, mas ainda não o conhecemos tão bem. O Brasil tem muitos bons jogadores, mas o que todos estão mais ansiosos para conhecer é Douglas Costa", revelou o repórter Mohamed Al Saleem, da TV Egípcia.

"Tento não ficar preocupado com a minha visibilidade no Brasil e fora. É claro que é legal ver meu trabalho ser reconhecido, mas ainda preciso achar minha vaga no time. É uma briga sadia, e o Brasil está muito bem servido no meio-campo", completou Douglas Costa, que também não tem a titularidade no Grêmio assegurada.

Informações do Uol Esportes.

Compartilhe
Banner

Ítalo Dorneles

Mudei o meu perfil do blogger. Agora estou utilizando este aqui: https://draft.blogger.com/profile/12182443674733728583

Poste um comentário:

0 comments: