slider

Recent

Tecnologia do Blogger.
Navigation

Espanha cumpre obrigação contra Estônia e se garante na Copa

A decepção pela queda nas semifinais da Copa das Confederações em junho foi amenizada nesta quarta-feira pela Espanha, que se tornou o décimo país classificado à Copa do Mundo de 2010. Em Mérida, a equipe atual campeã da Eurocopa superou a Estônia por 3 a 0 e, com duas rodadas de antecipação, confirmou a primeira posição do Grupo 5 das eliminatórias europeias.

Segunda melhor seleção do mundo de acordo com a Fifa, a Espanha contou com a disposição do meia Cesc Fabregas para se garantir em sua 13ª edição de Copas do Mundo. Um dia após pedir mais chances ao técnico Vicente del Bosque, o jogador do Arsenal fez valer a oportunidade que lhe foi dada e abriu o marcador aos 33min de jogo, após tabelar com David Silva e tocar na saída do goleiro Sergei Pereiko.

Em um segundo tempo de pouca criatividade de ambos os lados, a Espanha conduziu o jogo sem ser incomodada pelo ataque estoniano. Fabregas, porém, novamente se destacou ao lançar o meia Santi Cazorla, que aproveitou o passe e ampliou o marcador aos 36min. O estádio Romano José Fouto virou palco da festa da torcida anfitriã antes mesmo do terceiro gol do jogo, conferido pelo atacante Juan Mata nos acréscimos.

Com 100% de aproveitamento nos oito jogos realizados até então, a Espanha confirmou a liderança do Grupo 5 com 24 pontos ganhos. A Fúria ainda foi beneficiada pelo vacilo em casa da Bósnia-Herzegóvina, segunda colocada, que empatou por 1 a 1 com a Turquia e ficou sem chances matemáticas de alcançar o primeiro posto da tabela.

Agora, a Espanha se junta a Holanda e Inglaterra como nações europeias já classificadas para a Copa. Além deles, outros seis países já haviam se classificado por suas respectivas eliminatórias continentais: Brasil (América do Sul); Austrália, Japão, Coreia do Sul e Coreia do Norte (Ásia); e Gana (África) - além África do Sul, anfitriã qualificada automaticamente. Ainda nesta quarta-feira, podem se juntar a esse grupo os sul-americanos Chile e Paraguai, que enfrentam respectivamente Brasil e Argentina.

O Grupo 1 da Europa, enquanto isso, ainda assiste nas duas rodadas derradeiras à disputa de Bósnia, com 16 pontos, e Turquia, com 12, por uma vaga na repescagem por quatro vagas entre os melhores segundos colocados da Europa. Em 10 de outubro, os bósnios precisam de um triunfo fora contra a Estônia para seguirem na briga, ao passo que os turcos não podem vacilar contra a Bélgica, também na casa dos rivais. No mesmo dia, a Espanha cumpre tabela contra a Armênia.

Decepção belga

Nesta quarta-feira, a quinta chave das eliminatórias europeias viu também um grande vexame da Bélgica, eliminada da Copa da África do Sul após ser derrotada por 2 a 1 pela lanterna Armênia, em Ierevan. O país também não havia se qualificado para a Copa de 2006, na Alemanha.

A seleção eliminada nas oitavas de final do Mundial de 2002 pelo Brasil viu as poucas chances de vaga na repescagem ruírem em decorrência dos gols de Goharyan e Hoysepyan, que sacramentaram a primeira vitória armena nas eliminatórias europeias. Os belgas diminuíram nos acréscimos com o atacante Igor de Camargo, brasileiro naturalizado.

A derrota manteve a Bélgica no antepenúltimo lugar do Grupo 5, com apenas sete pontos conquistados em oito rodadas, e sem chances de buscar a Bósnia. A Armênia, mesmo com o triunfo, chegou a quatro pontos e seguiu na lanterna da chave.

Informações do Uol Esportes.

Compartilhe
Banner

Ítalo Dorneles

Mudei o meu perfil do blogger. Agora estou utilizando este aqui: https://draft.blogger.com/profile/12182443674733728583

Poste um comentário:

0 comments: