slider

Recent

Tecnologia do Blogger.
Navigation

Justiça uruguaia ordena extradição de Orteman para o Paraguai

Orteman rescindiu contrato com o Grêmio e está praticamente acertado com o Peñarol. De acordo com o jornal Ovación, a chegada do volante ao Uruguai era prevista para esta quarta-feira. Porém, a Justiça do país ordenou a detenção do jogador com a finalidade de extradição para o Paraguai. Por isso, a viagem foi adiada. Se Orteman desembarcar em Montevidéu agora, será detido e colocado à disposição da Justiça. Nas últimas horas, o jogador estava estudando a situação com seu advogado, Alejandro Balbi.

Orteman foi denunciado por Osvaldo Domínguez Dibb, empresário paraguaio que presidiu o Olimpia. Em 2004, o jogador deixou o clube rumo ao Independiente, da Argentina, e Dibb enviou à Justiça paraguaia um pedido de extradição por fraude e lesão de confiança. Na ocasião, Orteman passou dois dias detido em Montevidéu e depois liberado, mas agora o advogado recebeu nova notificação.

Balbi entende que o empresário abusou da Justiça paraguaia e que a situação é exagerada, porque se trata de um contrato esportivo. Seu colega Jorge Barrera, delegado do Peñarol, também reclama:

— Entendo que o tema central da denúncia não tem nenhuma relação com a esfera penal. É inaplicável, em qualquer ordenamento jurídico penal do mundo, que o cumprimento ou não de um contrato esportivo gere algum tipo de consequência penal — disse, em entrevista ao Ovación.

Segundo a ação de 2004, Orteman "passou a fazer parte do plantel do Olimpia, recebendo com regularidade somas de dinheiro, conforme recibos assinados por ele (...) e se ausentou subrepticiamente do país após receber US$ 66 mil do seu passe, além de um prêmio anual de US$ 80 mil, um salário de U$ 3 mil, assim como outros US$ 10 mil em prêmios".

Informações do ClicEsportes.
Compartilhe
Banner

Ítalo Dorneles

Mudei o meu perfil do blogger. Agora estou utilizando este aqui: https://draft.blogger.com/profile/12182443674733728583

Poste um comentário:

0 comments: